terça-feira, 10 de maio de 2016

Passo a passo Lustre / Mão Cyborg

Empolgado com a ideia do skate e com mais um quarto precisando de luz/lustre... fui pesquisar, pensar no que poderia ser feito pra resolver esse problema e de quebra deixar o apartamento com a minha cara... antes da mão de cyborg, eu pensei numa mão de zumbi e até numa mão do Hulk... ambos segurando a lâmpada... pesquisando material para fazer, pensei em argila e em gesso, tirando como forma, uma luva cirúrgica ou na raça (o que iria me faltar habilidade)... mas encontrei essas mãos de madeira que servem para modelo de desenho e tal... foi como começou... aí vieram os rabiscos e rascunhos...

Detalhes do projeto, rabiscos desenhos, o avanço que ele teve através das fotos tratadas no instagram e algumas mídias sociais que compartilharam e/ou comentaram... ate mais para quem curtiu a ideia, mas não quer saber como foi feito, tem um resumo que ficou bem legal e que quis separar, para não deixar esse post muito grande, logo nesse ficou a parte "técnica"... e nesse outro ficou o resumo que você pode acessar clicando aqui!

Foi quando vi essa mão no mercado livre que tive a ideia de fazer a mão do cyborg... e como sabia que iria utilizar ou estragar uma delas... comprei logo duas.

E vamos começar a desmontar pra só depois... 
... descobrir como vou montar rs.

Ela é muito bacana, mas o dedão é totalmente torto... não lembra nem de longe o movimento de um dedão de uma pessoa que tem os movimentos dos dedos normais huahau... então quebrei desencaixei e mais pra frente vou colar de novo numa posição melhor.

Já pensando no fio que vai ter que passar pelo meio da mão (agora que desmontei e vi que daria pra passar rs), eu fiz esse furo na palma da mão e que vai até a base do pulso... que por sua vez já é furada e o fio passa numa boa.

A mão sem nada... somente prateada... acho até que ficaria legal, mas quis dar uma modificada e pensei numa luva de couro... sabe uma luva de motoqueiro cyborg? Não? Então...

Peguei uma luva velha que iria para o lixo e cortei os dedos.

Reciclagem!

Claro que a luva não ficou nem um pouco certa na mão de madeira... então tive que improvisar com alfinetes e super cola... ainda esta esquisito, mas depois melhora... um pouco.


Essa madeira eu tenho só pra fazer esses trecos sem arranhar, sujar o chão com cola, etc... e ela quebra mó galho... fica a dica rs.

Primeiro teste do reator com a lâmpada fria que vai iluminar o quarto... ela é fácil de instalar, você encontra tudo em loja de material elétrico e necessita de conhecimento básico para montar... caso não seja seu caso, peça para alguém que manje pra te ajudar... Meu Deus, peça a um adulto caso você seja uma criança rs... a gente nunca sabe quem esta vendo o blog rs...

Mais uma foto do teste... funcionou... ok!
Agora esquece a elétrica que esta muito cedo pra isso.

Hora de dar uma estilizada nessa mão!

Com massa epóxi fui deixando a criatividade trabalhar rs... você não precisa necessariamente fazer esses formatos... porra você pode fazer o que quiser... óbvio rs... só manda o resultado pra mim depois de pronto pra eu ver como ficou rs.

Colocando o dedão na posição que ele vá apoiar e segurar a lâmpada sem risco de queda... e massa epóxi nele... no detalhe pode-se ver também o buraco que vai passar o fio.

Coloquei umas "pontas" de massa epóxi também no pulso, pra dar uma estilizada e deixar meio motoqueiro fantasma cyborg roqueiro motoqueiro... caralho... viajei.

Mais fácil de ver por esse ângulo.

Ou esse!

E assim termina a primeira parte...
...a base para o projeto! E na sequência vem...
...a pintura!

E meu estúdio para pintar foi essa caixa de papelão!

Caralho... lembra da porra do buraco... depois que pintar vai ser foda difícil de fazer essa merda esse buraco!

E dá-lhe tinta!

Esse é o tampão que vai no teto... como quero dar a impressão de que o teto esta quebrado e a mão esta saindo de um buraco... o tampão ficou preto.

Esses são as tampas de tubo de PVC que eu inventei para ficar envolta do soquete da lâmpada... ele é frágil e ficaria esquisito sem algo protegendo... minha ideia foi usar isso e apesar de aparecer eu pintando de preto, depois mudei de ideia e pintei de cromado também.

Tinta cromada no pulso!

E um toque de mão simbolizando que esta tudo certo!

Ou não!

Como ela era antes do preparo até aqui.

Mais alguns detalhes.

E agora, já com a luva que pintei de preto usando o spray... demorou pra caralho muito pra secar... se tiver outra ideia... utilize-a!

Detalhe nas laterais.
E fim de mais uma parte...
...agora é a vez da instalação a frio!

Instalação a frio, pois apesar de passar o fio e fazer toda instalação no lustre, ainda não vou ligar nos cabos de energia que ficam no teto...

...vou apenas montar e deixar pronto pra instalar a quente.


Coloquei um cabo de aço pra dar uma sustentação maior do que apenas o fio... e com algumas arruelas e muita gambiarra... ficou firme... até hoje não caiu pelo menos rs.

Detalhe de onde o fio passa.

Agora todo o esquema... o fio, a mão e as conexões com os dois soquetes da lâmpada... agora é só instalar no teto... ou não... ainda falta preparar a arte do teto e pra isso fiz alguns testes... alguns deram errado...
...a arte do teto!

Primeiro encaixar o reator na caixa do teto... ficou muito justo e quase não encaixou... forcei daqui, lixei dali e acabou entrando... mas foi foda difícil.

Olhando de baixo ficou assim.

E a "arte" começou assim...

...utilizando...

É, não deu certo e nem foi muito longe a tentativa!

Foi quando tive a ideia de usar uma chapa!

Sim... a chapa é do meu tórax e esta tudo bem com ele rs...

Fazia muito esse molde quando era moleque e achei que essa minha experiência faria diferença... bom... não fez... e caguei... e ferrei... e fodi... e caguei o teto!!!

A ideia era colocar ele no teto e tacar o spray preto!

Dessa forma...

...e a merda ficou assim!
A tinta passou da chapa e pintou onde não devia pintar!

Esquece a ideia da chapa e vamos pro mais provável de dar certo.

Pode até não ter ficado da melhor forma, mas usando o contact, eu sabia exatamente como iria ficar... e ficou...

Claro, sem dar mais chance para erros... fui medindo tudo!

E ficou assim...

 
Vendo de baixo!


Para fixar a mão no teto, tive que prender o cabo de aço de alguma forma e o jeito que fiz foi assim... utilizando a fita de metal perfurada (que sobrou do skate / lustre, não sabe do que estou falando? Clica aqui!).

E a fixação ficou assim!

Ai meu Deus... últimos ajustes!


Mais alguns apertos... pros dedos ficarem mais firmes e não derrubarem a lâmpada... e vamos para a...
...montagem a quente!

Claro que com a eletricidade desligada!
Conexões dos fios que vão nos dois soquetes!

Força tudo lá pra dentro de uma forma que não quebre e nem solte nenhuma conexão... essa parte também foi embaçada!

E lá vem a mão!

Vai que cabe!!!

Cabeu!!!

E putaqueopariu ficou assim!

 
Por outro ângulo!

video 
Teste acendendo!

E ele aceso!

Desse lado não consegui esconder muito bem o fio!
Então deixei esse lado pra parede!

Apesar de a ideia era deixar uns fios meio pendurados e tal... dando a entender que o cyborg estava destruindo tudo mesmo... mas acabou ficando mais clean e deixei assim mesmo.

Pro instagram ficou assim!

Não esquece de acessar o post com as fotos que foram pro instagram, é um resumão com as fotos tratadas, montagens, os desenhos do projeto e etc que estão nesse link!

Acho que é isso! Espero que tenha gostado!
 Obrigado pela visita!

Um comentário:

ARTES ECO disse...

Parabens pela sua artes, realmente é bem doida logica! continue com essa espiração.


Para me seguir no twitter: http://twitter.com/cassiusvallim